Colômbia: Essa é a Igreja Sofredora

 março 15, 2017
 0
15 março 2017

A Colômbia é um país marcado por mais de 50 anos de guerra, com 6,5 milhões de refugiados internos. Entre eles, há milhões de cristãos que, apesar de todas as dificuldades, não perdem a esperança e o amor pelo evangelho. “Nesse tempo no país, conhecemos, convivemos e apoiamos indígenas, refugiados, viúvas e pastores perseguidos que nos emocionam com suas historias de fé. São verdadeiros heróis que, muitas vezes, caminham horas para pregar a palavra ‘na toca do lobo'”, contam nossos missionários. É por causa desses heróis e heroínas que continuamos nossa missão na Colômbia. Dentre muitas histórias, uma das mais significativas é essa que nossos missionários contam:

“Uma bicicleta velha, meio enferrujada, encostada do lado de fora nas tábuas pregadas à mão que compunham a ‘parede’ da casa. Essa foi à primeira cena que nos deparamos momentos antes de entrarmos na casa do pastor João* e conhecer sua família, sua história. Já havíamos escutado sobre ele, mas aquele foi o primeiro encontro! Ele faz parte do projeto de Sustento Familiar que apoiamos, onde famílias refugiadas cultivam o próprio alimento. Enquanto a primeira colheita não chegava, sempre que podíamos levávamos uma cesta básica.

Ao entrar na casa, na varanda de chão de terra batida, simples e muito limpa, fomos recebidos com um sorriso acolhedor, daqueles que te deixam bem à vontade. Sentamos pra ouvi-lo sobre como tinha chegado ali: ele, a esposa e o filho especial foram perseguidos, ameaçados de morte e expulsos de onde viviam por grupos armados. Foi necessário que uma escolta do exército os acompanhassem enquanto deixavam toda uma vida para trás. Apenas com a roupa do corpo e nada mais, seguiram para recomeçar a vida.

Com o contato de um pastor que trabalha ajudando refugiados internos, João e sua família conseguiram um lugar para ficar. Essa poderia ser mais uma história triste, de pessoas que passariam a vida se lamentando por perder tudo, mas o pastor João tinha consciência de que tudo o que ele precisava tinha ido com eles.

Sem se intimidar, e com um amor transbordante, decidiu continuar pregando para os perdidos, justamente em outra região dominada por grupos armados! Com a bicicleta velha, aquela que vimos na porta da casa, e algumas dores da idade, ele percorre 12 quilômetros até chegar à igreja que iniciou com bancos de madeira ao ar livre, entre as bananeiras. Muitas vezes, vai a pé por causa do estado precário da bicicleta. Fomos com ele até o local da igreja e encontramos jovens com corações sedentos, quebrantados, cheios de fé.

Homens como o pastor João, dispostos a servir a Deus, preocupados em estabelecer o Reino nessa Terra e que não medem esforços pra cumprir seu chamado mesmo que isso custe a própria vida. É isso o que nos impulsiona a continuar, é a razão por estarmos hoje na Colômbia. É a igreja sofredora que esquece a sua dor para levar esperança e novidade de vida!

Faça parte dessa história conosco: clique aqui e seja parceiro da MAIS.

 

*Nome fictício por questão de segurança do pastor e sua família.

Colombia face certo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares
Share This
MAIS no Mundo